O corpo docente da Universidade Especializada em Educação Aquática na Universidade Miguel Hernández (UMH) é composta por médicos credenciados, doutores especializados e profissionais ativos que fornecem ao aluno uma visão atual do campo das atividades aquáticas, graças à sua carreira acadêmica e profissional.

Equipe de ensino

Moreno2       Dr. Juan Antonio Moreno Murcia. Universidade Miguel Hernández de Elche (Espanha)

Formação: Professor Universitária do Centro de Pesquisa em Esportes (CID) da Universidade Miguel Hernández de Elche (Espanha). Doutor em Psicologia Membro do grupo de pesquisa do GICOM. Secretário Executivo da International Human Motricity Network (IHMN). Presidente da Associação Ibero-Americana de Educação Aquática, Especial e Hidroterapia (AIDEA). Editor do International Journal of Sports Science e Journal of Research em Atividades Aquáticas. Diretor de mais de 30 teses de doutorado e autor de mais de 400 publicações indexadas. Autor de mais de 30 livros, entre os quais destacam-se “Bases metodológicas para a aprendizagem de atividades educativas aquáticas”, “Jogos aquáticos educativos”, “Manual de atividades aquáticas infantis”, “Estimulação aquática para bebês”, “Guia para projetar histórias” motores de água “,” Como conseguir a competência aquática “, entre outros.

Experiência: Em 1994, professor da Universidade de Valência na especialidade de Natação; de 1995 a 2008 professor da Universidade de Murcia com conteúdo de desenvolvimento psicomotor, educação física e didática, aprendizado e desenvolvimento motor, habilidades motoras, polo aquático e natação; de 2008 até o presente, professor da Universidade Miguel Hernández em Elche (Espanha) com conteúdos relacionados ao ensino de educação física e esportes e atividades aquáticas e de saúde. Pesquisador principal de projetos de pesquisa (I + D + i). Contribui também como disseminador de conteúdos sobre educação aquática através da transferência de conhecimento em cursos, congressos, conferências, mestrados, etc. Professor visitante em congressos e eventos internacionais realizados na Espanha, Uruguai, Paraguai, Estados Unidos, Portugal, Romênia, Argentina, Cuba, Colômbia, México, Brasil e Chile.

 
 


 
 

Popi      Dra. Apolonia Albarracín Pérez. Ministério da Educação da Região de Murcia (Espanha)

Formação: Graduado em Educação Física e Doutor em Ciências da Saúde pela Universidade Miguel Hernández de Elche (Espanha). Membro colaborador da Associação Ibero-Americana de Educação Aquática, Especial e Hidroterapia (AIDEA). Editor associado da Revista de Investigação em Atividades Aquáticas, com o Monográfico de 2018 Natação na escola. Autor de inúmeras publicações no campo das atividades educativas aquáticas escolares, bem como nas Atividades Aquáticas durante a gravidez, linhas de pesquisa que continuam até hoje.

Experiência: Professor de Ensino Secundário de 1996 até o presente no Ministério da Educação da Região de Murcia, dedicado nos últimos anos a ministrar aulas em Ciclo de Formação Superior, nos módulos de formação de Esportes Individuais (contém natação) e salvamento e salva-vidas aquáticas. Professora da Universidade Católica de Murcia (UCAM) nas disciplinas de natação e esportes individuais durante os anos de 1998-2000. Professora da Universidade de Almería durante o ano letivo de 2008-2009. Professor visitante em conferências e eventos nacionais e internacionais na Espanha, Portugal, México, França, etc. Divuldadora em conteúdos aquáticos em uma variedade de conferências, cursos, master classes, etc. Grande experiência como professora em uma ampla gama de programas de atividades aquáticas em diferentes ambientes e instalações aquáticas.

 
 


 
 

Salar      Dra. Cristina Salar Andreu. Universidade Miguel Hernández de Elche (Espanha)

Formação: Doutor em Fisioterapia. Graduada em Psicologia e Fisioterapia. Mestre em Pediatria, Hidroterapia, Atividade Física Terapêutica e Solo Pélvico. Professora na Universidade UCH CEU e na Universidade Miguel Hernández. Secretário da Associação Ibero-Americana de Educação Aquática, Especial e Hidroterapia (AIDEA). Seu trabalho de pesquisa concentra-se nas áreas de hidroterapia e estimulação aquática e no assoalho pélvico.

Experiência: Desde 2006, é Presidente do Projeto Asociación Vitae para o tratamento e estimulação na água de crianças com necessidades especiais através de hidroterapia e atividade física terapêutica e desde 2016 Co-Diretor da Clínica Córporal Control para prevenção e tratamento de patologias do assoalho pélvico e atualmente em excesso de trabalho clínico na área de primeiros cuidados e hidroterapia no Hospital de Vinalopó em Elche. Vice-reitora da Associação de Fisioterapeutas da Comunidade Valenciana. Seu trabalho clínico concentrou-se na área de fisioterapia pediátrica e saúde da mulher. Desde 2006 é professora associado na Universidade Miguel Hernández e professor universitário no CEU da Universidade Cardenal Herrera. Professora e colaborador de vários mestres e programas de pós-graduação nas áreas de pediatria e assoalho pélvico na Universidade Europeia de Madrid, Universidade Autónoma de Barcelona, ​​Universidade de Manresa, Universidade Cardenal Herrera, Univesidad Nova York e diretora do mestrado em Universidade Cardenal Herrera CEU. Divulgadora de conteúdos sobre educação aquática através da transferência de conhecimentos em cursos, congressos, conferências, mestrados, etc. Professora convidada em congressos e eventos internacionais realizados na Espanha, Estados Unidos, Portugal, Argentina, México e Brasil.

 
 


 
 

Elisa      Dra. Elisa Huéscar Hernández. Universidade Miguel Hernández de Elche (Espanha)

Formação: Professora Doutora contratada do Departamento de Psicologia da Saúde da Universidade Miguel Hernández de Elche (Espanha). Doutora em Psicologia. Ela dá o seu ensino nas disciplinas de Expressão Corporal e Dança no grau em Ciências da Atividade Física e do Desporto e Psicologia do Desenvolvimento: Infância e adolescência no curso de psicologia. Editora assistente do International Journal of Sports Science e membro do comitê consultivo do Journal of Research em Atividades Aquáticas. Autora de inúmeras publicações científicas indexadas no JCR, ela trabalhou no papel das histórias motoras aquáticas no desenvolvimento integral das crianças. Atualmente, participa da linha de pesquisa relacionada às variáveis ​​motivacionais envolvidas nos contextos de ensino-aprendizagem.

Experiência: Em 2002, bolsa de investigação FPU Ministério da Educação e Ciência ligado à Universidade de Murcia, concentrou sua tese de doutoramento em processos de comunicação na primeira infância. De 2006 ate a data atual é professora da Universidade Miguel Hernández de Elche (Espanha) relacionadas com os processos de comunicação interpessoal no Grau em Ciências da Atividade Física e do Desporto e desenvolvimento evolutivo em crianças no conteúdo Grade Psicologia Ele também participa como palestrante no Mestrado em Formação de Professores e Ensino Secundário, Formação Profissional e Ensino de Línguas de Miguel Hernández Universidade de Elche. Investigador principal do projeto de pesquisa em andamento (I + D + i) DEP2017-83441-R sobre a promoção de estratégias e metodologias ativas para estudantes.

 
 


 
 

Luciane      Dra. Luciane de Paula Borges. Ensinando Colégio Concertado Samaniego (Espanha)

Formação: Doutora em Atividade Física e Ciências do Esporte pela Universidade Miguel Hernández. Graduado em Educação Física pela Escola Superior de Educação Física de Goiás (Brasil) e aprovado pelo MEC Espanhol. Diploma de Maestro (Especialista em Educação Física) pela Universidade de Jaén. É membro da AIDEA (Associação Ibero-Americana de Educação Aquática, Especial e Hidroterapia).

Experiência: Professora e responsável pelos programas de atividades aquáticas infantis no Centro de Ensino Samaniego (de 2003 até o presente). Professora de Educação Física do Centro de Ensino Samaniego (Espanha). Lecionou vários cursos da Universidade de Murcia, com destaque para o curso “Aprenda Jogar” e “Técnico Especialização aquática Educação Infantil” para as especialidades de Professores Formação de Professores da Primeira Infância Educação Física, Mestre de Música Educação, Psicologia, Pedagogia e Psicologia . Professor convidado em congressos, eventos e treinamento de profissionais de atividades aquáticas. Autor de vários artigos e capítulos de livros sobre atividades aquáticas. Co-autor do livro “Estimulação Aquática para Bebés”. Prêmio pelo melhor artigo do ano 2003 da Revista NSW, editado pela Associação Espanhola de Técnicos de Natação. Madri 1º prémio de comunicações para o seu trabalho intitulado “Atividades aquáticas nos primeiros anos da vida da criança” apresentado no III Congresso Internacional de Atividades Aquáticas. 2º comunicações trabalho de prêmio “Aspectos a considerar para a organização de atividades aquáticas no Ensino Secundário” intitulado apresentado no III Congresso Internacional de Atividades aquáticas. 1º Prémio no Simpósio “School Swimming” no VII Congresso Internacional de Actividades Aquáticas, 2018.

 
 


 
 

Ariel     Dr. Hernán Ariel Villagra Astudillo. Universidade Autônoma de Madri (Espanha)

Formação: Professor Doutor contratada do Departamento de Educação Física, Esporte e Motricidade Humana da Universidade Autônoma de Madri (Espanha). Doutor em Ciências da Atividade Física e Esportes. Ele leciona nas disciplinas de Atividade Física e Saúde em Pessoas com Necessidades Especiais, Educação Física, Ensino e Aprendizagem, e Atividade Física e Esportes para pessoas com deficiência. Autor de inúmeras publicações científicas indexadas no JCR e direção de teses de doutorado. Atualmente participa da linha de pesquisa relacionada à atividade física, esportes e exercício físico em populações com diversidade funcional. Membro do Grupo de Pesquisa EstiLIFE.

Experiência: Desde 1989 ele tem trabalhado no campo da atividade física e do desporto para pessoas com deficiência, a sua principal tarefa na Fundação Telefónica de Assistência às Pessoas com Deficiência. Desde 2001 realiza seu trabalho na Universidade Autónoma de Madrid, onde há 9 anos Coordenador Mestrado em Física e do desporto, as pessoas com deficiência e atividade de inclusão social. Atualmente, é professor de pós-graduação na universidade espanhola (Universidad Complutense de Madrid, Universidad Politecnica de Madrid, Universidad Rey Juan Carlos) e Português (Universidade de Coimbra, Universidade do Porto, Universidade Técnica de Lisboa), todos no domínio das pessoas com deficiência

 
 

Compártelo en:Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0Email this to someone